Giro Noticiário:

Loading...

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Como calcular IRRF na Rescisão?

O cálculo do IRRF na Rescisão é feito de forma diferente em relação ao cálculo das demais folhas
Para calcular o IRRF na rescisão é necessário:
    • SALÁRIO
    •  FÉRIAS
    • 13º SALÁRIO
 - Soma-se todo o valor referente a salários (saldo de salários, horas extras, gratificações), deduz-se o valor do INSS e logo após o valor dos dependentes. O total será aplicado segundo a tabela do IRRF da época.
- Soma-se todo o valor referente a férias (abono 1/3, férias vencidas, férias proporcionais), deduze-se o valor dos dependentes. O total será aplicado segundo o a tabela do IRRF da época.
- Pegue o valor referente a 13º salário , desuz-se o valor do INSS e logo após o valor dos dependentes. O total será aplicado segundo a tabela de IRRF da época.
- Some os valor de IRRF referente a salários, férias e 13. O total será o IRRF da Rescisão.

*Quando há rescisão complementar, o cálculo do IRRF independe da data de pagamento. Os valores de salário, férias e 13º das rescisões terão as bases somadas, será realizado o cálculo normal, ao termino, o valor do IRRF da rescisão complementar.
*IMPORTANTE: O cálculo de IRRF se dá sebre so valores mensais, portanto se no mês da rescisão houver mais alguma folha, com data de pagamento dentro do mesmo mês (rescisão dia 28/11/2009 e folha mensal com data de pagamento de 07/11/2009 e competência 10/2009, por exemplo), os valores de salário, férias e 13º salário serão somados as bases de IRRF da rescisão.


Jairo Hugo 
Consultor RH on line.

Um comentário:

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.